segunda-feira, 26 de novembro de 2007

Ações que negociam ADR em N.Y.

As ações brasileiras negociadas em N.Y. pertencem a um grupo seleto e destacado. Primeiro: estas ações têm grande liquidez. Segundo: elas têm que cumprir o GAAP (Generally Accepted Accounting Principles) e outras exigências da SEC (U.S. Securities and Exchange Commission). Portanto, elas já se enquadram nos critérios mais rigorosos de contabilidade e balanços mais confiáveis.
As ações de outros países (inclusive do Brasil) que conseguiram seu registro na Bolsa de N.Y. e negociam como ADR são como os melhores hotéis do mundo, com uma estrela a mais. Destacam-se:

Nokia, da Finlândia
Veolia, da França
Diageo, da Inglaterra
Thyssen Krupp, da Alemanha
Cânon, do Japão
Samsung, da Coréia
Petrochina, da China
Televisa, do México
Petrobrás, Vale do Rio Doce, do Brasil

2 comentários:

Mario disse...

Existe algum fator fora o câmbio que influencie a cotação dos ADRs brasileiros lá fora ?

Patrick disse...

Ola Mario. Sou neto do John e por sinal trabalhei com ADRs no maior banco depositario deste tipo de ativo. Como ADRs sao conversiveis em acoes locais (e vice-versa), em principio qualquer diferenca de preco muito grande acaba sendo eliminada por arbitragem. Monitorando o comportamento das acoes em tempo real (ajustada para cambio e lote) jamais vi diferencas significativas (giram em 1%). Existem situacoes para algums ADRs em que diferencas temporais na conversao dos dividendos podem causar efeitos de cum vs ex dividend price. Tambem existem casos (como paises do Leste Europeu) em que os investidores de ADRs nao podem votar nas assembleias o que em tese pode causar um desconto no preco ja que a classe de ativo (ADR) nao possui os mesmos direitos.